O que é ser Profissional na área que atuamos ?

A cada dia a disputa, seja em qual área for, é cada vez mais acirrada. Isso não é novidade para ninguém, mas o que não deveria ser há algum tempo, é como lidar com isso.
Vemos também, em todos os setores, que os “profissionais” ficam patinando no mesmo lugar sem obter grandes frutos, na melhor das hipóteses, sobrevivem.
Porém, também vemos profissionais muito bem sucedidos, e aí vem a questão: o que os difere?

A postura é a resposta!

Em grande parte dos profissionais bem sucedidos sua postura é bem simples, é agir como tal, ou seja, como profissional. Eles normalmente buscam se informar sobre o mercado que estão atuando e não se contentam com pouco, sempre buscam mais informações.
Outra característica que notamos, em quase todos, é o investimento. A grande maioria dos profissionais que não deslancham, acham que investir em um equipamento ou ferramenta que os auxiliem no desenvolver de sua tarefa é DESPESA e não INVESTIMENTO, quando no outro lado a postura é exatamente o oposto.

Esse é um assunto muito bom para ser abordado e voltaremos a ele em momento oportuno.

Por Jean Richard.
Publicado em Junho/2016
____________________________________________

Foco

Nos dias de hoje é muito complicado manter o foco, são várias distrações que nos conclamam a atenção e isso diminui em muito nossa produtividade.

Mas hoje eu quero falar de um foco diferente, o foco dos negócios.

Já parou para pensar o quanto muitos vendedores virtuais perdem tempo com o concorrente ao invés de focar no próprio negócio? Eu não estou dizendo aqui que você não deve analisar a concorrência, deve sim, mas só como parâmetro do que ela está fazendo e não ficar obcecado com ela.

Existem ainda os piores que são aqueles que ao invés de fazerem o trabalho pró-ativo em favor de seus produtos perde tempo denegrindo o produto alheio. Normalmente são pessoas mal resolvidas e que o sucesso alheio lhe incomoda demais e com isso a única coisa que consegue angariar é angústia própria e desafetos. Cuidado, não entre neste raio de ação, sempre analise como está procedendo e faça uma dura reflexão consigo mesmo, se o caminho que está trilhando está correto para você e para a sociedade em que vive.

Pense que o tempo é o seu bem mais precioso e precisa ser gasto com coisas importantes, portanto foque o máximo que puder no que lhe dá retorno positivo e fuja, corra, passe longe, dos perfis que citei acima.

Essa dica de hoje pode tornar seu dia muito mais produtivo, começa agora a mudança.

Por Jean Richard.
Publicado em Julho/2016
_____________________________________________

Vendedor que não Empreende Náufraga?


Novos tempos novas modalidades de vendas.

Hoje temos o e-commerce ou Comércio Eletrônico a dominar a cada dia mais as vendas, mas isso trás a necessidade de novos métodos de vendas?

Sim trás!

E todos os novos vendedores usam esses novos métodos?

Não!

Como no comércio “formal”, em loja física, temos vendedores que sabem utilizar de métodos que os ajudam a vender mais e os que não fazem nada, no Comércio Eletrônico sofremos do mesmo mal. Porém no Comércio Eletrônico isso é muito mais agravante ainda, explico:

O Comércio Eletrônico é um ambiente de forte disputa, mais do que o comércio físico, então qualquer pequeno deslize derruba a venda instantaneamente, por conseguinte estratégias diferenciadas e inovação se faz mais que necessário.

Infelizmente se vê com grande frequência vendedores reclamando do concorrente porque ele usa uma ferramenta que o ajuda ou porque ele teve uma ideia diferente do convencional. Reclama mas não investe 1 centavo em seu negócio, quer que tudo caia do céu de graça como que por “benção do espírito santo”, a esse vendedor eu só tenho a dizer:


Vendedor que não Empreende Náufraga, fato!!!!

Por Jean Richard.
Publicado em Fevereiro/2017

_________________________________________________